terça-feira, dezembro 6, 2022

A vitória da Arábia Saudita mostra a paixão árabe pelo futebol 

Jogos
Luiz Vinicius
Luiz Vinicius
Natural de Magé (RJ), Luiz Costa é empreendedor, criador de conteúdo sobre apostas e Apostador Profissional a mais de 4 anos. Foi finalista do programa MASTERBET na rede Bandeirantes e é redator em alguns sites de apostas Esportivas.

A grande vitória da Arábia Saudita sobre a Argentina na Copa do Mundo na última terça-feira é o tipo de vitória que quase ninguém do futebol mundial esperava.  

Um resultado que pode ser classificado como uma das maiores zebras nos 92 anos de história das Copas. Mas ninguém ficou mais surpreso do que os próprios sauditas com o resultado. 

Entrou para a história 

O país venceu apenas uma partida em uma Copa desde 1998. E ao contrário das potências tradicionais da Copa do Mundo, não convoca craques das principais ligas da Europa para integrar seu elenco. Em vez disso, seus jogadores vem da liga doméstica saudita que é pouco badalada, mas bem apoiada no país.

Após a vitória, a Arábia Saudita declarou feriado nacional nesta quarta-feira. Mas mesmo antes do jogo, os funcionários do governo tiveram um dia de folga e muitas empresas privadas fecharam. Multidões se reuniram às centenas para assistir em telões em lugares públicos especialmente planejados. Um evento realmente grande no país para ver a sua seleção fazer história. 

As comemorações vinham não só da Arábia Saudita, mas de todo o mundo árabe. E que até terça-feira não tinha visto nenhum país árabe vencer um jogo em Copas do Mundo. 

Subestimados 

Poucos acreditavam que os sauditas pudessem vencer um jogo na competição, muito menos superar a poderosa Argentina de Lionel Messi. Até o príncipe Mohammed minimizou as expectativas antes da partida do time para o Catar, pedindo aos jogadores que “relaxassem e aproveitassem o torneio”. 

Essa acabou sendo uma demonstração de muito valor para a Arábia Saudita, país de cerca de 36 milhões de pessoas que não fez do esporte uma prioridade nacional até 2016. Naquele ano, sua Autoridade Geral de Esportes anunciou um investimento de US$ 650 milhões para desenvolver atletas e equipes locais e atrair eventos internacionais. Portanto, o investimento feito no esporte pelo país acabou sendo comemorado de uma forma global com essa vitória surpreendente que vai deixar um legado para os subestimados sauditas.

Motivo de orgulho 

O futebol é motivo de orgulho para o país. A cultura do futebol nacional da Arábia Saudita é apaixonada e orgânica. Seus melhores clubes, alguns dos mais fortes da Ásia, possuem torcedores bem dedicados. O número de torcedores presentes em Lusail refletiu isso. 

A importância da vitória, a maior da história saudita, certamente será lembrada como um dos resultados mais surpreendentes da Copa do Mundo. 

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -
Últimas Noticias

Site americano elege os melhores de cada posição na NBA 22/23

A temporada 2022/2023 da NBA chega aos seus 50 dias de competição. Então, o site Fadeaway World decidiu selecionar...
- Advertisement -

Mais notícias como essa

- Advertisement -