Free Porn
sexta-feira, junho 14, 2024

Bahia vence o Grêmio pelo Brasileirão após polêmica da arbitragem

Jogos
Carlos Catito
Carlos Catito
Nacionalidade Angolana, graduado em filosofia em Curitiba-PR, é redator profissional, já trabalha neste ramo a mais de 8 anos, com prognósticos em alguns sites de apostas esportivas.

Grêmio e Bahia se enfrentaram no sábado (27), pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. O triunfo foi do clube de Salvador, vencendo o Imortal por 1 a 0, na Arena Fonte Nova. Entretanto o gol da partida saiu dos pés de Everaldo, que marcou um golaço. Dessa forma, o Bahia chegou aos sete pontos, na quarta posição até a rodada de hoje. O Tricolor, porém, segue com seis pontos, na sétima posição, mas pode ser ultrapassado até o término da rodada.

O duelo

Tendo a posse de bola desde o início, o Bahia abriu o placar aos 16 minutos. Everaldo recebeu toque primoroso de Everton Ribeiro, deixou o zagueiro Kannemann no chão e finalizou sem chances de defesa para o goleiro Rafael Cabral, marcando um golaço na Arena Fonte Nova. A equipe do técnico Rogério Ceni continuou pressionando os gaúchos. Aos 23 minutos, após boa troca de passes, Everton Ribeiro deu passe perfeito e Cauly bateu de primeira. A bola explodiu no travessão. O Grêmio aos poucos foi conseguindo se equilibrar na partida, mas teve dificuldades para criar jogadas de perigo, indo para o intervalo sem levar perigo ao gol do time baiano.

Etapa final

O Tricolor voltou para o segundo tempo com uma equipe mais ofensiva, mas continuou dando espaços para o contra-ataque do Bahia. Aliás, foi assim que o time de Rogério Ceni quase fez o segundo. Biel escapou em velocidade, cruzando rasteiro para Everaldo bater de primeira. O goleiro do Grêmio fez ótima defesa. Aos 37 minutos Rafael Ratão recebeu de Biel e finalizou para mais uma boa defesa do goleiro tricolor. Nos acréscimos, Diego Costa, que havia sido substituído, foi expulso por reclamação e o técnico Renato Portaluppi pediu para todos os jogadores que estavam no banco de reservas deixarem o gramado antes do apito final.

Explicação de Renato Portaluppi

Em coletiva, o treinador se explicou. Disse que o responsável por “dedurar” Diego Costa foi o ex-árbitro Jaílson Macedo Freitas, que é presidente da Comissão Estadual de Árbitros de Futebol da Bahia. Falou que ele não deveria estar no local. E não o quarto árbitro Fernando Sales do Nascimento.

“Tirei meu time para ninguém mais ser expulso. O Jaílson Freitas, que estava em um lugar que não deveria estar, falou algo que o Diego Costa não disse. Temos que parar e pensar no futebol brasileiro”, disse Renato.

Jaílson Macedo Freitas atuará na função de assessor no duelo que está por vir entre Operário e Grêmio, algo que foi citado pelo técnico. Ele não atuará presencialmente no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa, palco do duelo da próxima terça-feira (30), pela ida da terceira fase da Copa do Brasil.

- Advertisement -
- Advertisement -
Últimas Noticias

Fortaleza vence Sportivo Trinidense e garante classificação as oitavas da Sul-Americana

O Fortaleza venceu por 2 a 1 o Sportivo Trinidense, do Paraguai, e garantiu a primeira colocação do Grupo...
- Advertisement -

Mais notícias como essa

- Advertisement -