domingo, novembro 27, 2022

Brasil goleia em amistoso com gols de Neymar e Pedro.

Jogos
Luiz Vinicius
Luiz Vinicius
Natural de Magé (RJ), Luiz Costa é empreendedor, criador de conteúdo sobre apostas e Apostador Profissional a mais de 4 anos. Foi finalista do programa MASTERBET na rede Bandeirantes e é redator em alguns sites de apostas Esportivas.

A Seleção Brasileira fez hoje o seu último jogo amistoso antes da Copa do Mundo. E dessa vez o adversário foi a Seleção da Tunísia do continente africano. O Brasil venceu a partida com muita tranquilidade com um placar de 5×1. Os gols da partida foram de Raphinha, duas vezes, Richarlison, Neymar e Pedro. Talbi fez o gol para os tunisianos, que jogaram mais de um tempo com um homem a menos. A partida aconteceu no estádio Parc des Princes em Paris, casa do PSG.

Após uma vitória esmagadora, a seleção comandada pelo técnico Tite recebeu elogios internacionais. O diário “AS”, da Espanha, exaltou as ideias e as variações táticas da seleção nos amistosos em que disputou recentemente, contra Gana e Tunísia. E em sua última matéria do jogo desta terça-feira intitulou como “Brasil assusta”. 

O time de Tite goleou mais uma vez um rival de Copa do Mundo, após uma exibição coletiva em todos os sentidos“, analisou o jornal

Destaque do jogo

O destaque da partida foi o jogador do Barcelona Raphinha, que marcou dois gols e ainda deu uma assistência para Richarlison marcar o dele. No segundo tempo os jogadores da seleção que entraram na partida foram: Pedro no lugar de Richarlison; Vinicius JR no lugar de Lucas Paquetá; Renan Lodi no lugar de Alex Telles; Antony no lugar de Raphinha; Roger Ibañez no lugar de Marquinhos e Rodygo no lugar de Fred. 

Cenas lamentáveis.

Apesar de um jogos com muitos gols e com bela atuação da Seleção Brasileira de futebol, a partida ficou marcada por uma cena lamentável de racismo após o gol do atacante Richarlison. A torcida presente no estádio arremessou uma casca de banana no campo enquanto os jogadores comemoravam o gol. O jogador Fred chegou a chutar uma delas em forma de repúdio a tal situação, em seguida foi arremessada ou casca de banana em direção ao autor do gol.

Antes mesmo da bola rolar, a seleção havia exibido uma mensagem, resaltando a importancia dos jogadores negros na história da Seleção Brasileira.

Sem nossos jogadores negros, não teríamos estrelas na nossa camisa. A seleção brasileira é contra o racismo“, dizia a mensagem no banner.

A CBF usou a imagem lamentando o episódio no gol do jogador Richarlison. 

“Lamentavelmente, após a ação [no início do jogo], uma banana foi atirada no gramado em direção a Richarlison, autor do segundo gol brasileiro. A CBF reforça a sua posição de combate ao racismo e repudia qualquer manifestação preconceituosa“, afirmou a instituição.

O Presidente da CBF também se posicionou sobre o caso: 

Mais uma vez, venho publicamente manifestar o meu repúdio. Desta vez, vi com os meus próprios olhos. Isso nos choca. É preciso lembrar sempre que somos todos iguais, independente da cor, raça ou religião“. 

“O combate ao racismo não é uma causa, mas uma mudança fundamental para varrer esse tipo de crime do planeta. Eu insisto em dizer que as punições precisam ser mais severas”, finalizou Ednaldo.

Com boas apresentações, sem dúvidas a seleção Brasileira chega como uma das favoritas ao título do Mundial.

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -
Últimas Noticias

Costa Rica vence o Japão e embola o grupo E 

A Costa Rica aproveitou seu primeiro chute a gol nesta Copa do Mundo e marcou na vitória sobre o...
- Advertisement -

Mais notícias como essa

- Advertisement -