domingo, fevereiro 5, 2023

Deiveson e Moreno se provocam em encarada antes do UFC 283

Jogos

O UFC esquentou o clima dessa quarta com o “Media Day” dos lutadores que vão participar do UFC 283 neste sábado, no Rio de Janeiro. Afinal, após as coletivas, os atletas protagonizaram as tradicionais encaradas que sempre aumentam as expectativas para os confrontos. Nesse sentido, os adversários que demonstraram maior rivalidade foram o brasileiro Deiveson Figueiredo e o mexicano Brandon Moreno que disputam o título dos moscas. Por outro lado, os postulantes ao cinturão dos meio-pesados, Glover Teixeira e Jamahal Hill, mostraram muita seriedade durante a encarada.

A primeira dupla de adversários a entrar no palco para se encarar foi Deiveson Figueiredo e Brandon Moreno. A princípio, o clima era de descontração e certa provocação. Afinal, o brasileiro caminhou até o rival cheio de irreverência com as mãos no bolso e ostentando um belíssimo óculos escuros. Contudo, esse foi o único minuto de amistoso do encontro.

Nesse sentido, logo após a encarada em que os lutadores apenas se olharam, os dois viraram para fotos exibindo os cinturões que ainda possuem. Contudo, nesse momento as equipes começaram apoiar seus lutadores e o clima ficou tenso.

Encarada pré UFC 283 termina com pedido de silêncio e grito de “Eu sou seu pai!”

Primeiramente, o time do mexicano começou a exaltar Brandon Moreno gritando: “número 1”. Em seguida, o staff do brasileiro logo respondeu com um “uh vai morrer”. Automaticamente, o brasileiro chamou atenção do adversário para que ele ouvisse o que sua equipe dizia.

Como resultado, Moreno, sorriu e com dedo indicador nos lábios mandou os brasileiros se calarem. Por fim, Deivison não deixou a provocação barato e soltou um “Eu sou pai” para o adversário na saída do palco.

A luta entre Deiveson Figueiredo e Brandon Moreno está cercada de grandes curiosidades. Afinal, além de decidir definitivamente quem fica com o cintura do peso galo da organização, a luta também trará um desempate ao confronto.

Em síntese, os dois lutadores já se enfrentaram três vezes com um empate e uma vitória para cada lado. Por fim, também existe uma tensão relacionada a uma acusação de racismo por parte do brasileiro contra o treinador de Moreno que promete aquecer ainda mais a disputa.

O evento terminou com o encontro entre Glover Teixeira e Jamahal Hill. Contudo, a encarada entre os concorrentes ao cinturão dos meio-pesados não teve provocações. Assim, os dois se cumprimentaram respeitosamente na entrada, se encararam olho no olho fixamente e Glover fez o gesto dos punhos levantados. Por fim, os lutadores posaram para as últimas fotos fazendo sinal de força com os braços.

- Advertisement -
- Advertisement -
Últimas Noticias

Grandes jogadores e promessas que o Flamengo que fizeram história

Com um possível confronto entre Flamengo e o Real Madrid na final do Mundial de Clubes. Pode acontecer uma...
- Advertisement -

Mais notícias como essa

- Advertisement -