domingo, novembro 27, 2022

Em busca da classificação, PSV acaba com a invencibilidade do Arsenal

Jogos
Carlos Catito
Carlos Catito
Nacionalidade Angolana, graduado em filosofia em Curitiba-PR, é redator profissional, já trabalha neste ramo a mais de 7 anos, com prognósticos em alguns sites de apostas esportivas.

Nesta quinta-feira do dia 27 de outubro as 13h45 minutos, horário de Brasília, em um confronto válido pela liga Europa 5ª rodada, o PSV entrou em campo numa partida decisória em que não queria continuar dependendo mais doutros resultados a sua classificação, determinado a sair dessa sensação e risco o time holandês entrou em campo no estádio Philips (Eindhoven), frente o time inglês que possui não somente o melhor aproveitamento do grupo como também vinha de larga sequência de invencibilidade de todas as competições em que está ativo e é líder do campeonato inglês superando até o Manchester City; então não seria fácil parar uma equipe embalada, embora o PSV fosse mandante.

Retrospecto de confrontos diretos

O PSV entrou em campo, pela liga Europa contra o Arsenal num histórico de confronto diretos que completa a oitava partida entre eles, sendo que dos 7 disputados o Arsenal comanda a superioridade com vantagem de 3 vitórias, ao passo que o PSV tinha conquistado apenas 1 vitória, sendo assim houveram 3 empates. A penúltima vez que seus caminhos haviam se cruzar foi em uma partida válida pela atual liga Europa fase de grupo segunda rodada, a qual disputaram na semana passada em casa do Arsenal, onde o atual o PSV perdeu por 1×0.

Então desejou muito o PSV dar a revanche em casa, tendo o apoio majoritário da torcida e motivado em sair de dependência em busca da sua classificação. Portanto, ao se defrontarem no 8ª confronto direto em casa do PSV, o time por ter vencido por 2×0, conseguiu diminuir a diferença da desvantagem histórica, passou para 2 vitorias, sendo que o Arsenal continua com 3 vitórias e possuem os respectivos 3 empates.

PSV x Arsenal, a vitória da classificação

PSV entrou no confronto em busca da sua classificação e via em casa a oportunidade de conseguir esse feito, mas sabia muito bem que não será fácil alcançar esse objetivo visto que o time adversário estava invicto na competição com 100% de aproveitamento. O técnico Ruud van Nistelrooy trabalhou a psicologia da equipe a entrar numa partida de tudo ou nada, numa fase muito oportuna em que o time inglês vinha de um vacilo também longe de casa, pelo campeonato inglês, em que visitou o Southampton ficando no empate de 1×1. Então neste pano de fundo circunstancial sendo que o PSV vinha de derrota de 4×2 em casa do Groningen, pelo campeonato local, não querendo seguir com a maré baixa e decidido em encaminhar sua classificação, conseguiram então neutralizar o imparável Arsenal por 2×0.

Era necessário ser agressivo, cirúrgico para derrubar o Arsenal, foi o que o time de van Nistelrooy fez, partiu para cima do visitante de modo que nos primeiros minutos já teve finalização perigosa obrigando Ramsdale fazer uma grande defesa. Mas que ainda não houve bola na rede no primeiro tempo mesmo com volume de jogo agressivo e muito movimentado. O Primeiro gol surge após o intervalo aos 55 minutos Veerman mandou para as redes, 1×0, o segundo gol da tranquilidade e classificação veio de de Jong, que mandou para as redes de uma cobrança de escanteio. Portanto, apito final 2×0 foi então encerrada a invencibilidade do Arsenal e dada garantidamente a classificação do PSV, que ocupa a posição de vice com 10 pontos, 2 a menos que o Arsenal e agora na última rodada brigará pela liderança.

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -
Últimas Noticias

Costa Rica vence o Japão e embola o grupo E 

A Costa Rica aproveitou seu primeiro chute a gol nesta Copa do Mundo e marcou na vitória sobre o...
- Advertisement -

Mais notícias como essa

- Advertisement -