quarta-feira, setembro 28, 2022

Finalista da Copa América, seleção feminina se garante na Copa do Mundo e em Paris 2024

Jogos

A Seleção Brasileira Feminina venceu o Paraguai por 2 a 0, na noite desta terça-feira (26), no Estádio Alfonso López, em Bucaramanga (COL), pela semifinal da CONMEBOL Copa América Feminina 2022. Com o resultado, a Canarinho segue com 100% de aproveitamento na competição e vai enfrentar a Colômbia, no sábado (30), na grande decisão.

Além disso, a equipe de Pia Sundhage se classificou para a Copa do Mundo FIFA Austrália & Nova Zelândia 2023 e também para os Jogos Olímpicos de Paris 2024.

Brasil: Lorena; Antônia (Fe Palermo), Tainara, Rafaelle (Kethellen) e Tamires; Angelina, Ary (Duda Sampaio), Adriana e Kerolin (Gabi Portilho); Debinha (Geyse) e Bia Zaneratto. Técnica: Pia Sundhage.

De olho em mais uma taça, as Guerreiras enfrentam a Colômbia, anfitriãs da Copa América, na decisão do torneio. O confronto será no próximo sábado (30), às 21h (horário de Brasília), no Estádio Alfonso López, em Bucaramanga, com transmissão de SBT e SporTV.

Bia Zaneratto completa 100 jogos pela Seleção Feminina com gol da classificação: ‘Dia especial’

A noite desta terça-feira (26), sem dúvida, entrou para a galeria de momentos inesquecíveis no coração de Bia Zaneratto. Em sua centésima partida com a Amarelinha, a Imperatriz serviu Ary Borges no primeiro gol e marcou o segundo da Seleção Brasileira na vitória contra o Paraguai na semifinal da CONMEBOL Copa América Feminina. O gol decretou não só a vaga na final como a classificação da Canarinho para a Copa do Mundo FIFA da Nova Zelândia e da Austrália 2023 e nos Jogos Olímpicos de Paris 2024. Na comemoração, Bia voltou a homenagear a avó, Dona Luzia, que faleceu no ano passado em decorrência da Covid-19.

“Estou muito feliz. Em primeiro lugar, preciso agradecer a Deus, e o gol foi dedicado à minha avó, como sempre faço, e a toda a minha família, que está assistindo em casa. É um dia muito especial para mim. Completar 100 jogos pelo Brasil, marcando um gol, se torna mais especial ainda, e também pela importância do dia, que nos dá a classificação para a final, para o Mundial e para a Olimpíada. É um dia completo”, comemorou.

“É lógico que as conquistas individuais são importantes, mas o coletivo é sempre o principal. Temos muito a evoluir. A Pia sempre nos falava da importância da classificação, mas já focava no Mundial, então procuramos a cada jogo evoluir um pouquinho mais. Sabemos que temos muito a melhorar, mas vamos com tudo para essa reta final para buscar mais um título para o Brasil”, concluiu.

- Advertisement -
- Advertisement -
Últimas Noticias

Após a era Maradona, Messi é a esperança da Argentina para conquistar o Mundial

O atual momento da Argentina é cada vez mais positivo e a expectativa sobre essa equipe liderada por Messi...
- Advertisement -

Mais notícias como essa

- Advertisement -