Entre com suas credênciais

Brasileirão série A


Brasileirão série B


Engenheiro da Renault comenta mudanças no estilo de trabalho na McLaren

07/02/2018 - 16:12 - Automobilismo

por Flávio Figueiredo

A McLaren vive a esperança de tempos melhores na Fórmula 1 e essa esperança pode ser chamada de Renault! A equipe vem fazendo testes com os novos motores, o que vem animando demais os técnicos, mecânicos e Fernando Alonso. Os tempos são semelhantes aos da Red Bull e a equipe entende que a experiência e estilo de pilotagem de Fernando Alonso faça a diferença para o time inglês. Após três anos complicados com motores Honda, a escuderia decidiu se tornar cliente da fornecedora francesa, que já começa a fazer suas exigências e parece não admitir influências em seus projetos de equipamento.

“É um tema complexo. Antes de tudo, desenvolvemos uma unidade de potência completa antes de trabalhar com a McLaren. Então, a relação entre nós não é como era com a Honda, onde a Honda dependia da McLaren e vice-versa. Temos todos os parâmetros da unidade de potência sob nossa responsabilidade”, disse o chefe da Renault, Cyril Abitebou, ao Motorsport.com.

O contrato com a empresa francesa é diferente do que a McLaren tinha com a Honda. Com a empresa japonesa, a McLaren tinha autoridade para interferir no desenho do motor e até mesmo nas instalações japonesas. Com o novo contrato, as diretrizes do contrato são diferentes e a escuderia terá de ajustar o seu chassi, seja qual for o produto entregue pela fabricante de motores.

Cyril Abiteboul, engenheiro e gerente de automobilismo da Renault, não descarta algumas sugestões da McLaren mas acha difícil uma influência nos próximos dois anos.

“Aceitamos que podemos melhorar nosso produto, temos que melhorar e estaremos abertos às sugestões. Claramente para 2018 e para 2019 é muito tarde para a McLaren ter alguma influência na parte física do motor”, ressaltou Abiteboul.

“Podemos ter uma forma diferente e mais conectada de trabalhar juntos em médio para longo prazo. Mas não é algo que se concretize antes de 2020, na minha opinião. Primeiro, temos de aceitar que é uma nova relação, ver como ela evoluirá. Se estiver funcionando bem, então não haverá motivos para que ela não vá além do atual ciclo de regras”, finalizou Abitebou.

 

Leia Mais:

Fernando Alonso se anima com os testes da nova McLaren

Fórmula 1 confirma mudança de horários da largada para 2018

 

tabela

Campeonato Brasileiro Série A

Classificação Pontos
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36

VEJA A TABELA COMPLETA

prognósticos

1 NAP x SPA

ver dica

Confiança

85%
2 TOR x JUV

ver dica

Confiança

85%
3 GEN x INT

ver dica

Confiança

85%

VEJA MAIS PROGNÓSTICOS

Bolão Semana 7

RANKING

1 André ***

0,00

2 Bruno ***

0,00

3 RG ***

0,00

4 Flávio ***

0,00

5 Natow ***

0,00

VEJA O RAKNING COMPLETO


Mais Esportes