Entre com suas credênciais

Brasileirão série A


Brasileirão série B


Chapecoense consegue vantagem na Recopa

05/04/2017 - 20:52 - Futebol

por Frederico Verchai

No dia 30 de novembro de 2016 Chapecoense e Atlético Nacional disputariam a final da Copa Sul-Americana, porém a partida não foi realizada devido a tragédia com a aeronave que  levava jogadores, comissão técnica e dirigentes da Chapecoense, além de dezenas de profissionais da imprensa, ao todo foram 71 mortos. Alguns meses depois, enfim os times se encontraram para então protagonizar o duelo que ninguém viu acontecer naquela ocasião, Chapecoense x Atlético Nacional, pela disputa da taça da Recopa Sul-Americana.

O clube Atlético Nacional de Medelín da Colômbia foi o campeão da Copa Libertadores de 2016 e inclusive pediu para a CONMEBOL (Confederação Sul-Americana de Futebol) para que desse o título de campeão da Copa Sul-Americana para a Chapecoense, foi o que acabou acontecendo, mesmo sem disputar a final, a Chapecoense acabou se tornando campeã da competição. Com isso, os dois times se encontraram na disputa da Recopa Sul-Americana, que nada mais é do que o confronto entre o campeão da Libertadores e o campeão da Copa Sul-Americana, decisão que acontece em dois jogos, o primeiro disputado nesta quarta-feira (04) em Chapecó.

Inicialmente os jogadores e comissão técnica do Atlético Nacional foram recebidos com honrarias, desde o momento do pouso do avião no aeroporto, até os momentos que antecederam a partida entre os times na Arena Condá em Chapecó. O duelo só pode acontecer na Arena Condá devido a autorização da CONMEBOL, pois toda final de torneio Sul Americano só pode ser disputado em estádios com capacidade acima de 40 mil lugares, como a Arena Condá só possui 22.600 lugares, dependeu de uma autorização especial para o evento, nada mais justo com a Chapecoense.

A Chapecoense comandada pelo técnico Vagner Mancini chegou com perigo pela primeira vez aos 22 minutos e conseguiu um pênalti a favor, Reinaldo marcou 1x0 para a Chape, placar que permaneceu até o intervalo. No segundo tempo  o jogo ficou mais aberto e o Atlético Nacional correu atrás do resultado, Macnelly Torres arriscou um chute e acertou o ângulo,aos 13 minutos deixando tudo igual. A Chapecoense continuava pressionando com muita raça, porém com lealdade, após uma decida pela esquerda, com um cruzamento de Reinaldo, o zagueiro Luiz Otavio subiu alto na área do Atlético Nacional para cabecear para o fundo das redes aos 28 minutos, depois disso coube a Chapecoense administrar o resultado e decretar a vitória por 2x1.

Com esta vitória, além de toda a festa da torcida e encerrar toda as homenagens com chave de ouro, a Chapecoense consegue grande vantagem para a partida de volta na Colômbia, pois não existe fator de gol fora de casa, portanto a Chapecoense joga por um empate para conquistar a Recopa Sul-Americana, além de mais um título internacional para o clube, esta conquista terá um significado mais do que especial. A próxima partida está marcada para o dia 10 de maio em Medelín na Colômbia as 21:45h.

 

tabela

Campeonato Brasileiro Série A

Classificação Pontos
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36

VEJA A TABELA COMPLETA

prognósticos

1 EQU x CHI

ver dica

Confiança

85%
2 URU x JPN

ver dica

Confiança

85%
3 SUE x EUA

ver dica

Confiança

85%

VEJA MAIS PROGNÓSTICOS

Bolão

RANKING

1 André ***

0,00

2 Renato ***

0,00

3 Alessandro ***

0,00

4 Ale ***

0,00

5 Yudi ***

0,00

VEJA O RAKNING COMPLETO


Mais Esportes