Entre com suas credênciais

Brasileirão série A


Brasileirão série B


Demissão de Emily abre nova crise na seleção brasileira feminina

01/10/2017 - 13:13 - Futebol

por Frederico Verchai

Apesar de contar com o apoio de muitos torcedores, o a vida das jogadoras de futebol feminino no Brasil nunca foi fácil, o que se aplica também na seleção brasileira. Mesmo contando com Marta, cinco vezes melhor do mundo, a seleção brasileira luta dia a dia para crescer e ser uma das melhores equipes do futebol feminino.

Depois das Olimpíadas de 2016, onde a seleção feminina ficou apenas com a quarta colocação, a CBF anunciou Emily como a nova treinadora da equipe, que antes tinha Vadão como técnico. Porém, depois de alguns resultados negativos, a treinadora foi demitida e iniciou uma sequência de reclamações por parte das jogadoras e até aposentadoria de importantes nomes, como a atacante Cristiane.

“Hoje se encerra meu ciclo na seleção brasileira. Muito triste saber que não vou jogar meu último Pan-Americano, última Copa américa, última Olimpíada, última Copa do Mundo. Era meu sonho, o que sempre quis, o que sempre sonhei em colocar medalha de ouro, levantar troféu de campeã mundial e ajudar a modalidade de alguma maneira. Espero que, com esse vídeo, talvez ajude. Se não pude ajudar tanto em 17 anos como atleta, espero ajudar como ex-atleta”, afirmou Cristiane.

# Cadastre-se na  para ganhar um BÔNUS de boas vindas em um dos melhores sites de apostas online do mundo!

O discurso entre as jogadoras é o mesmo: mudança. De acordo com Fran, também aposentada da seleção, a saída de Emily e volta de Vadão foram os principais motivos para sua saída da seleção, uma vez que não vê a volta do treinador como um sinal de mudança. A jogadora também afirma que com a união entre as jogadoras que agora estão fora da seleção e as que permanecem defendo o Brasil, a mudança pode vir.

“Para mim, dentro dessas circunstâncias, eu entendi que não dava mais para continuar. O problema não foi nem em relação só à saída da Emily, mas principalmente por quem retornou por eu já conhecer o trabalho. Mas acredito que as meninas que não se posicionaram e decidiram permanecer na seleção elas lá dentro também vão ter voz ativa para poder fazer algumas mudanças que a gente tanto pede. Eu acredito que algumas de fora como eu, Cristiane, Rosana, que se posicionaram e algumas lá dentro podemos fazer um bom trabalho juntas e cada uma brigando por alguma coisa para o melhor não só da seleção brasileira, mas sim para a modalidade. As melhoras que elas conseguirem em relação financeira, estrutura, condições de trabalho serão bons para o crescimento do futebol feminino. Todo mundo vai ganhar com isso”, afirmou Fran.

Três vezes campeã dos Jogos Pan-Americanos e seis da Copa América, a seleção brasileira tem uma luta constante para conseguir mais respeito e melhorias, pedindo ajuda financeira e maior empenho das equipes masculinas para a criação de mais times femininos, o que tornaria mais competitivo o Campeonato Brasileiro feminino e facilitaria o crescimento da modalidade no país do futebol.

 

# Acesse a  para apostar e ganhar dinheiro seguindo nossos PROGNÓSTICOS!

 
LEIA MAIS:

Com 7 pênaltis perdidos, Coritiba escolhe goleiro como batedor oficial

CBF demite treinadora da seleção brasileira feminina

tabela

Campeonato Brasileiro Série A

Classificação Pontos
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36

VEJA A TABELA COMPLETA

prognósticos

1 FLA x COR

ver dica

Confiança

85%
2 TOR x GSW

ver dica

Confiança

85%
3 RIV x CAP

ver dica

Confiança

85%

VEJA MAIS PROGNÓSTICOS

Bolão

RANKING

1 André ***

0,00

2 Renato ***

0,00

3 Alessandro ***

0,00

4 Ale ***

0,00

5 Yudi ***

0,00

VEJA O RAKNING COMPLETO


Mais Esportes