Entre com suas credênciais

Brasileirão série A


Brasileirão série B


Duelo mais esperado da Repescagem terá seu início em Estocolmo

09/11/2017 - 13:50 - Futebol

por Flávio Figueiredo

A mais aguardada disputa por uma vaga na repescagem para a Copa do Mundo da Rússia de 2018 será aberta nesta sexta-feira, 10 de novembro. A partir das 17h45 (horário de Brasília), na Friends Arena, em Estocolmo, a Suécia recebe a Itália.

A disputa é definida em dois jogos. O segundo será em solo italiano no próximo dia 13. Pontos ganhos, saldo de gols e tentos marcados fora de casa são os critérios para indicar quem terá direito a disputar o Mundial russo.

Os suecos possuem grande tradição em mundiais. Já disputaram 11 edições tendo obtido um vice-campeonato. Chegou à final em 1958, quando sediou o torneio, perdendo o título para o Brasil de Pelé e Garrincha.

Apesar desse histórico, a eliminação já na fase de grupos era o resultado esperado da seleção da Suécia. Três fatores motivavam essa baixa expectativa em relação à equipe. A primeira delas foi a campanha fraca feita na Euro 2016. Antes de iniciar sua campanha nas eliminatórias do Velho Continente, os suecos foram batidos ainda na primeira fase da competição que teve a França como sede de sua etapa decisiva.

O segundo motivo também foi gerado por essa campanha ruim. Decepcionado pelos maus resultados, o maior jogador sueco de todos os tempos, Zlatan Ibrahimovic, decidiu se aposentar da seleção.

Além disso, os prognósticos negativos foram completados pelo sorteio que colocou a Suécia em uma chave que tinha como amplos favoritos França e Holanda. Os franceses confirmaram o que era esperado e ficaram com a vaga direta na Copa da Rússia ao alcançar 23 pontos (sete vitórias, dois empates e uma derrota).

A seleção da Suécia conseguiu disputar o primeiro lugar em boa parte das dez rodadas, mas perdeu fôlego. Com 19 pontos (seis vitórias, um empate e três derrotas), acabou garantindo o direito de disputar a repescagem graças ao melhor saldo de gols que os holandeses, que alcançaram a mesma pontuação. Uma vitória por 8 a 0 diante de Luxemburgo, na jornada de número nove, foi decisiva para essa façanha.

Embora o fator sorte também não tenha colaborado na definição dos confrontos da repescagem, a campanha surpreendente dos suecos nas eliminatórias fez com que o time perdesse o rótulo de ‘patinho feio’ e seja encarado como rival capaz de superar os italianos.

Para o primeiro jogo do duelo, a Suécia não poderá contar com o defensor Mikael Lustig, do Celtic (Escócia). Ele terá que cumprir suspensão pelo acúmulo de cartões amarelos e só estará liberado para o confronto da Itália.

Melhores Momentos de Albânia 0 x 1 Itália (Eliminatórias da Copa):

# Aproveite o BÔNUS GRÁTIS oferecido pela , acesse o link e comece a faturar AGORA!!!

 

A presença da tetracampeã Itália na repescagem não pode ser considerada uma surpresa. A Azzurra passou por uma severa mudança no seu esquema tático nos últimos anos. Para a Copa de 2014, disputada no Brasil, contou com os serviços do técnico Antonio Conte, atualmente no Chelsea. Com ele, trocou o estilo baseado na ‘dobradinha’ retranca/contra-ataque por um futebol mais ofensivo em que a posse de bola era priorizada.

A eliminação na primeira fase do Mundial em solo brasileiro minou o aprofundamentodessa estratégia, que teve seu ponto final com a queda nos estágios de mata-mata da Euro 2016. Com a contratação de Gian Piero Ventura, os italianos deram um passo atrás recorrendo ao sistema tradicionalmente usado pelo futebol local, ainda que atualmente não seja mais um recurso usado pelos principais clubes do país. Napoli, Juventus, Roma e Lazio, por exemplo, optam pela linha que era seguida por Conte.

Isso certamente causou complicações extras, mas o grande obstáculo para a classificação da Itália foi mesmo o sorteio, que colocou o time no mesmo grupo da Espanha. Na batalha de gigantes, o toque de bola espanhol prevaleceu e os italianos, com 23 pontos (sete vitórias, dois empates e uma derrota), cinco a menos que o rival, tiveram que se contentar com a segunda colocação do grupo G das eliminatórias europeias.

Para o duelo contra os suecos, Ventura promoveu surpresas na convocação. Pela primeira vez em sua gestão chamou o atacante Simone Zaza, que fora ‘banido’ desde o pênalti desperdiçado diante da Alemanha na Euro 2016 que causou a eliminação italiana do torneio.  Os 11 gols que o jogador marcou em favor do Valencia, da Espanha, no início da temporada 2017/2018 certamente pesaram a seu favor.

Quem apareceu pela primeira vez na convocação foi o meia brasileiro Jorginho. O atleta do Napoli se juntou a atletas como Daniele de Rossi, Marco Verratti e Andrea Belotti, que devido às lesões ficaram fora da convocação anterior.

# Veja nossos PROGNÓSTICOS e acesse .

 

Leia Mais:

Talentosa seleção Suiça pega a Irlanda do Norte sem pensar em surpresa

Ex-companheiros no Liverpool, Suárez apoia chegada de Coutinho ao Barcelona

 

tabela

Campeonato Brasileiro Série A

Classificação Pontos
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36

VEJA A TABELA COMPLETA

prognósticos

1 CHA x COR

ver dica

Confiança

85%
2 FLU x STA

ver dica

Confiança

85%
3 SAN x VAS

ver dica

Confiança

85%

VEJA MAIS PROGNÓSTICOS

Bolão Rodada 15

RANKING

1 Ivan ***

200,00

2 André ***

0,00

3 Renato ***

0,00

4 Alessandro ***

0,00

5 Ale ***

0,00

VEJA O RAKNING COMPLETO


Mais Esportes