Entre com suas credênciais

Brasileirão série A


Brasileirão série B


Especial: Chegou a vez do Soccer

13/06/2018 - 12:37 - Futebol

por Eduardo Carioca

Pela primeira vez os americanos decidiram organizar uma Copa do Mundo e divulgar o futebol em seu país, chamado de soccer. Famosos pelos seus eventos na NBA, NFL, MBL e NHL, os americanos queriam mostrar para o mundo que também gostavam do Soccer. A Copa bateu recorde de público e foi uma Copa de gratas surpresas.

Duas seleções foram impedidas de jogar as eliminatórias. A antiga Iugoslávia que estava em guerra civil contra Bósnia e o Chile devido à farsa do goleiro Rojas nas eliminatórias de 1990. Seleções tradicionais não se classificaram como nenhuma do Reino Unido. A Inglaterra que tinha feito uma boa Copa anterior e contava com uma boa geração perdeu a vaga para Holanda e Noruega. A França perdeu sua vaga para Suécia e a surpreendente Bulgária. Uruguai perdeu a vaga para Bolívia que retornava para uma Copa do Mundo, a última foi em 1950. A Argentina por pouco não perde a vaga. Depois de ser goleado por uma encantadora Colômbia por 5 x 0 em casa teve que disputar a repescagem contra Austrália. Maradona foi chamado para resgatar os Hermanos.

Seleções tradicionais como Alemanha, agora reunificada, última campeã mundial contava com um elenco mais velho que sofreu no calor americano. Itália e Brasil tinham times bem montados. A Itália para variar passou da primeira fase como o último melhor terceiro e na fase seguinte o time engrenou devido ao talento de Roberto Baggio que levou a Azurra para final.

A Copa mostrou gratas surpresas como os times da Suécia, Bulgária e Romênia. A Romênia do meia habilidoso Hagi perdeu para Suécia. A Bulgária eliminou os últimos campeões mundiais, ao alemães, e chegou à semifinal. A decepção ficou por conta da Colômbia que chegou como uma das favoritas e foi eliminada na primeira fase.

O Brasil seguia firme. Com um time bem montado na defesa e contava com uma dupla de ataque inspirada, Bebeto e Romário. Romário que foi chamado às pressas na eliminatória para salvar o Brasil de não ir pela primeira vez a um Mundial. Na Copa, Romário mostrou porque era chamado por Cruijff o gênio da grande área. Apesar de alguns sustos contra os holandeses o Brasil chegava à semifinal contra o bom time sueco e que empatou na primeira fase.

Brasil e Itália, atuais tricampeões mundiais repetiriam a final de 1970. Jogo sobre um forte calor e com uma Itália cansada e um Brasil cauteloso ao bom estilo Parreira criaram poucas chances de gol e as poucas pararam nos bons goleiros Taffarel e Pagliuca. A decisão pela primeira vez seria decidida nos pênaltis. Coube a Roberto Baggio, destaque da Itália na Copa, a chutar seu pênalti para fora e depois de 24 anos a Copa voltaria para o Brasil. À primeira Taça Fifa, substituta da Jules Rimet.

 

Curiosidades:

 

Brasil na Copa:

  1. Taffarel – Reggiana
  2. Jorginho – Bayern Munique
  3. Ricardo Rocha – Vasco
  4. Ronaldão – Shimizu S-Pulse
  5. Mauro Silva – La Coruña
  6. Branco – Fluminense
  7. Bebeto –La Coruña
  8. Dunga – Stuttgart
  9. Zinho – Palmeiras
  10. Raí – Paris Saint Germain
  11. Romário – Barcelona
  12. Zetti – São Paulo
  13. Aldair – Roma
  14. Cafu – São Paulo
  15. Marcio Santos – Bordeaux
  16. Leonardo – São Paulo
  17. Mazinho – Palmeiras
  18. Paulo Sérgio – Bayer Leverkusen
  19. Muller – São Paulo
  20. Ronaldo – Cruzeiro
  21. Viola – Corinthians
  22. Gilmar – Flamengo

Técnico – Carlos Alberto Parreira

tabela

Campeonato Brasileiro Série A

Classificação Pontos
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36

VEJA A TABELA COMPLETA

prognósticos

1 ESP x ING

ver dica

Confiança

85%
2 PAL x GRE

ver dica

Confiança

85%
3 BAH x PAR

ver dica

Confiança

85%

VEJA MAIS PROGNÓSTICOS

Bolão Semana 41

RANKING

1 Jair ***

482,00

2 Elias ***

400,00

3 Robson ***

190,00

4 cicero g ***

160,00

5 Marcos ***

145,00

VEJA O RAKNING COMPLETO


Mais Esportes