Entre com suas credênciais

Brasileirão série A


Brasileirão série B


Hora de se preparar para a Liberta "de verdade"

23/02/2017 - 12:38 - Futebol

por Flávio Figueiredo

O Botafogo obteve uma classificação heróica diante de um tricampeão sul-americano num estádio lotado. Na sua segunda fase preliminar da Libertadores, o time de Jair Ventura não se abateu com o gol de Montenegro e não tremeu nas cobranças de pênaltis ao fim do 1 a 0. O herói da noite foi o, então reserva, Gatito Fernández que defendeu três pênaltis do Olimpia.  Após superar Colo-Colo e Olimpia, o Botafogo entrará em um dos grupos mais difíceis dessa edição da Libertadores. Barcelona de Guayaquil, o atual campeão Atlético Nacional da Colômbia e o Estudiantes de La Plata. Inclusive é contra os argentinos que o Botafogo inicia sua trajetória rumo à classificação. Muita coisa (à favor) deve mudar até o jogo do dia 14 de março, no Engenhão, daqui a 20 preciosos dias de preparação. Preparação essa que ainda não é a ideal, com pouco mais de 1 mês da volta dos jogadores após as férias de fim de ano, a condição física dos jogadores ainda não é a desejável. Exemplo disso é a ausência do recém-contratado Montillo que, claramente foi a cereja do bolo botafoguense para a disputa da Libertadores e por motivo de contusão (e não ter uma pré-temporada como se deve) desfalcou a equipe no jogo mais importante da equipe até aqui. Esse pouco tempo de preparação não "encaixou" o time que, claramente, vem jogando no seu limite técnico e tentando fazer a diferença em jogadas individuais. Com alguns improvisos, Camilo e Montillo juntos no setor intermediário ainda são uma incógnita. É de se imaginar se terão uma chance antes da estreia contra os Estudiantes do veterano Juan Sebastián Verón, que terminaram em quarto no último Campeonato Argentino.  É fundamental aproveitar esse período para acertar posicionamentos, melhorar a saída de bola e descobrir formas de usar peças como Sassá de forma inteligente. Até lá o Botafogo assiste do sofá às finais da Taça Guanabara e só terá um compromisso pelo Carioca: uma partida contra o Volta Redonda no Engenhão, que deverá ser marcada para o sábado anterior à estreia contra os Estudiantes (sabiamente, o planejamento priorizou a taça continental, em detrimento de um Estadual que mostrou nesta semana toda a sua própria incapacidade de se levar a sério). 

Um mês depois, com o calendário esticado da competição, viaja ao mítico Atanasio Girardot, em Medellín, para enfrentar um Atlético Nacional que inspira respeito, ainda que tenha perdido sua formidável base na última janela. Tudo isso com a questão anímica da estreia resolvida. O Botafogo aprendeu a sofrer. Agora precisa aprender a fluir com menos dificuldade e mais opções rumo ao campo adversário, principalmente nos jogos fora de casa. Finalmente terá tempo para isso. Era tudo o que o torcedor botafoguense e Jair Ventura precisavam.

 

Leia mais:

Tensão e pressão marcam jogo decisivo do Botafogo

tabela

Campeonato Brasileiro Série A

Classificação Pontos
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36

VEJA A TABELA COMPLETA

prognósticos

1 CEA x STA

ver dica

Confiança

85%
2 ABC x VIT

ver dica

Confiança

75%
3 BRA x PAN

ver dica

Confiança

90%

VEJA MAIS PROGNÓSTICOS

Bolão

RANKING

1 André ***

0,00

2 Renato ***

0,00

3 Alessandro ***

0,00

4 Ale ***

0,00

5 Yudi ***

0,00

VEJA O RAKNING COMPLETO


Mais Esportes