Entre com suas credênciais

Brasileirão série A


Brasileirão série B


Principal jogador no início, Diego vive baixa no Flamengo

06/10/2017 - 15:28 - Futebol

por Frederico Verchai

Contratado em julho do ano passado, Diego chegou ao Flamengo como uma das principais contratações da equipe carioca nos últimos anos e iniciou sua trajetória como o grande craque do elenco flamenguista, mas agora vive um momento muito ruim, lidando com lesões e apresentações apagadas durante os jogos.

“Não vivo meu melhor momento individual no Flamengo. Mas não venho de queda brusca. É verdade que esperamos o brilho individual, mas nem sempre acontece”, resumiu o meio-campo do Flamengo após o vice-campeonato da Copa do Brasil.

Nos seus primeiros seis meses no Flamengo, Diego se adaptou rapidamente e ajudou a equipe a terminar o Brasileirão de 2016 na terceira colocação, marcando seis gols em 17 jogos. Já neste ano, o jogador teve um bom início, que foi atrapalhado por uma lesão em abril, que foi tratada com uma artroscopia para a correção da lesão no ligamento colateral medial e no menisco medial no joelho direito.

# Cadastre-se na  para ganhar um BÔNUS de boas vindas em um dos melhores sites de apostas online do mundo!

Fora da conquista do Campeonato Carioca e da eliminação na fase de grupos da Libertadores, Diego voltou aos gramados em junho, no clássico contra o Botafogo, onde atuou pouco tempo e foi discreto. Alguns jogos depois, o meio-campista voltou a balançar as redes, marcando contra Fluminense (1 gol), Chapecoense (2 gols) e São Paulo (1 gol), afastando assim a crise no Flamengo e o mau momento.

Entretanto, na derrota em casa para o Vitória por 2x0, no início de agosto, Diego foi vaiado pela primeira vez pela torcida do Flamengo, que viu seu time e principal craque cair de rendimento e perder posições no Brasileirão. Pouco dias depois, dessa vez sob o comando de Reinaldo Rueda, Diego e o Flamengo disputaram as semifinais da Copa do Brasil contra o Botafogo, contra quem o meio-campista voltou a marcar depois de um belo drible de Berrío na partida de volta e deu a classificação para a equipe rubro-negra.

Aí vieram as partidas finais da Copa do Brasil, onde Diego ficou novamente apagado, muito por conta da forte marcação do Cruzeiro, e não conseguiu fazer muita coisa durante os 180 minutos do confronto. Porém, o pior foi na hora nas penalidades, onde o jogador teve sua cobrança defendida por Fábio e resultou no título cruzeirense.

Apesar do mau momento, Diego foi convocado pelo técnico Tite para as duas últimas rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, as quais não disputou por conta de uma lesão muscular na coxa esquerda.

 

# Acesse a  para apostar e ganhar dinheiro seguindo nossos PROGNÓSTICOS!

 
LEIA MAIS:

Vinícus Jr. se lesiona depois de dura entrada no jogo contra Ponte Preta

Baixa? Rever acusa lesão muscular e pode desfalcar Fla no Brasileirão

tabela

Campeonato Brasileiro Série A

Classificação Pontos
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36

VEJA A TABELA COMPLETA

prognósticos

1 CEA x STA

ver dica

Confiança

85%
2 ABC x VIT

ver dica

Confiança

75%
3 BRA x PAN

ver dica

Confiança

90%

VEJA MAIS PROGNÓSTICOS

Bolão Rodada 11

RANKING

1 André ***

0,00

2 Renato ***

0,00

3 Alessandro ***

0,00

4 Ale ***

0,00

5 Yudi ***

0,00

VEJA O RAKNING COMPLETO


Mais Esportes