Entre com suas credênciais

Brasileirão série A


Brasileirão série B


Sem Guerrero, Peru encara Nova Zelândia por vaga na Copa

10/11/2017 - 09:42 - Futebol

por Flávio Figueiredo

Sem seu mais importante atacante, a seleção peruana abre na madrugada deste sábado, 11 de novembro, o duelo contra a Nova Zelândia valendo um lugar na Copa do Mundo da Rússia de 2018. A partida, que reúne o campeão das eliminatórias europeias e o quinto colocado da disputa na América do Sul, será realizada no estádio Westpac, em Wellington, Nova Zelândia.

O segundo confronto do playoff está agendado para 16 de novembro em Lima. Vai ao Mundial russo a seleção que, naturalmente, somar mais pontos nos duelos. Caso exista igualdade, o saldo de gols e os tentos assinalados fora de casa serão levados em consideração para o desempate.

Com apenas duas participações em mundiais, na Copa do Mundo de 1982 na Espanha e em 2018 na África do Sul, a Nova Zelândia passou a reinar sozinha no continente depois que a Austrália, em busca de tentar melhorar o nível de competitividade de sua seleção, passou a disputar as eliminatórias asiáticas.

Isso não significa muito no momento, uma vez que a Oceania não tem vaga direta nos mundiais e precisa disputar uma repescagem com um time sul-americano para tentar conseguir seu lugar. Porém, com os planos de aumentar para 48 o número de equipes disputando a Copa do Mundo, muito provavelmente o continente será beneficiado e isso pode significar o aumento da presença dos neozelandeses no Mundial.

Enquanto essa realidade não muda, a Nova Zelândia tem que lidar com dois papeis muito diferentes. Na Oceania é gigante na comparação com os adversários. Os resultados das eliminatórias mostram a imensa superioridade técnica do país, que ainda não é completamente profissional da modalidade.

Os neozelandeses começaram sua campanha já na segunda fase e venceram com facilidade o grupo B, que tinha Ilhas Salomão, Ilhas Fiji e Vanuato. Ganhou os três jogos disputados assinalando nove gols e sofrendo apenas um.

Na terceira fase, também terminou na primeira colocação de sua chave, que então tinha Nova Caledônia e Ilhas Fiji. Somou dez  (três vitórias e um empate) dos 12 pontos possíveis. Marcou seis gols e não teve sua defesa vazada.

No playoff final, contra as Ilhas Salomão, praticamente decidiu a disputa na primeira partida quando, em casa, goleou por 6 a 2. No segundo jogo, na casa do rival, apenas administrou a larga vantagem e ficou no empate por 2 a 2.

Essa grande diferença técnica na comparação com os rivais locais se inverte quando os neozelandeses pegam seleções de outros continentes. Em três amistosos (Irlanda do Norte, Bielorrússia e Japão) e três partidas pela Copa das Confederações (México, Portugal e Rússia) contra adversários de outros continentes foram seis derrotas com apenas dois golsassinalados.

Para tentar ‘compensar’ dessa clara inferioridade técnica, o técnico Anthony Hudson apelou para a experiência e convocou veteranos como Rory Fallon e Jeremy Brockie, que vinham sendo deixados de lado, para enfrentar os peruanos.

Melhores Momentos de Colômbia 1 x 1 Peru (Eliminatórias da Copa):

# Aproveite o BÔNUS GRÁTIS oferecido pela , acesse o link e comece a faturar AGORA!!!

 

Desde a última rodada das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo da Rússia de 2018 a torcida peruana tem vivido momentos de euforia e depressão. O grande pico de celebração foi o empate, sem gols, diante da Argentina, na décima sétima jornada da disputa que deixou nos pés dos peruanos a oportunidade de ganhar a vaga direta caso derrotassem, em casa, a Colômbia, na jornada final.

O primeiro pico de depressão veio com o empate por 1 a 1. Dessa forma, os peruanos completaram sua participação na quinta posição com 26 pontos (sete vitórias, cinco empates e seis derrotas). Dessa forma, teria que encarar a repescagem.

Porém, no balanço, a situação era considerada positiva, uma vez que o time garantiu a chance de continuar lutando por uma vaga que não alcança desde a Copa do Mundo de 1982, da Espanha. Além do mais, acabou sendo beneficiada pelo tapetão nessa disputa.

Dentro de campo, os peruanos foram derrotados pela Bolívia. Porém, o resultado foi revertido depois de pedido dos chilenos, que tinham empatado com os bolivianos. A Fifa (Federação Internacional de Futebol) transformou os dois resultados em vitórias das seleções do Chile e Peru devido à escalação de um jogador irregular por parte dos bolivianos.

Caso os resultados das quatro linhas fossem mantidos, a seleção do Peru seria superadana classificação justamente pelo Chile e não teria a oportunidade sequer de disputar a repescagem.

Porém, o segundo e mais profundo momento de depressão dos peruanos aconteceu às vésperas do início da preparação para os duelos com os neozelandeses. Após ser flagrado em exame antidoping realizado após a partida contra a Argentina por uso de substância ilegal, o atacante Paolo Guerrero foi suspenso por 30 dias e, dessa forma, não poderá participar da repescagem.

Um abalo importante, pois o atleta do Flamengo é titular absoluto da seleção. Para seu lugar, o técnico argentino Ricardo Gareca recorreu a Yordy Renya, jogador de 24 anos do Vancouver Whitecaps, time que disputa a MLS, principal liga de futebol profissional dos Estados Unidos.

# Veja nossos PROGNÓSTICOS e acesse .

 

Leia Mais:

Casa de aposta mostra os favoritos à classificação para a Copa

Sem CR7, Portugal fará testes pensando na Copa

 

tabela

Campeonato Brasileiro Série A

Classificação Pontos
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36
1 TIM 2 36

VEJA A TABELA COMPLETA

prognósticos

1 EIB x BAR

ver dica

Confiança

80%
2 MAD x BET

ver dica

Confiança

85%
3 LEV x ATL

ver dica

Confiança

85%

VEJA MAIS PROGNÓSTICOS

Bolão

RANKING

1 André ***

0,00

2 Renato ***

0,00

3 Alessandro ***

0,00

4 Ale ***

0,00

5 Yudi ***

0,00

VEJA O RAKNING COMPLETO


Mais Esportes