Free Porn
quinta-feira, maio 30, 2024

Suárez pode deixar o Grêmio: Tricolor faz jogo duro pela permanência 

Jogos
Luiz Vinicius
Luiz Vinicius
Natural de Magé (RJ), Luiz Costa é empreendedor, criador de conteúdo sobre apostas e Apostador Profissional a mais de 4 anos. Foi finalista do programa MASTERBET na rede Bandeirantes e é redator em alguns sites de apostas Esportivas.

A possibilidade da saída de Suárez do Grêmio tem movimentado os bastidores do clube e gerado especulações. Embora o jogador tenha expressado o desejo de deixar a equipe e demonstrado insatisfação com a postura do clube, a direção gremista não está disposta a abrir mão do talentoso camisa 9, questionando os termos de uma eventual transferência do jogador. 

Desejo de sair e insatisfação 

De acordo com o jornal Ovácion, do Uruguai, Suárez deixou claro o seu desejo de deixar o Grêmio e mostrou insatisfação com a postura do clube em relação a sua permanência. Essa insatisfação também foi mencionada pelo técnico Renato Portaluppi em entrevista coletiva, quando falou sobre a possibilidade de Suarez se aposentar. No entanto, tanto o Grêmio quanto o jogador têm evitado fazer pronunciamentos oficiais sobre o assunto. 

O uruguaio tem enfrentado problemas no joelho direito, o que é de conhecimento público. Além disso, há o interesse do Inter Miami, que proporcionaria a Suárez a oportunidade de reeditar a parceria com Lionel Messi, Sergio Busquets e Jordi Alba, seus ex-companheiros de Barcelona. 

Jogo duro do Grêmio 

Por sua vez, a direção do Grêmio adota uma postura firme. O clube só estaria disposto a liberar Suárez em caso de aposentadoria, o que o impediria de atuar por outra equipe a curto prazo, a menos que houvesse uma compensação financeira significativa ao clube gaúcho. 

Caso contrário, o centroavante só deixaria o Grêmio mediante o pagamento da multa rescisória. O Tricolor se respalda no contrato vigente, que estabelece uma cláusula de 70 milhões de euros (R$ 375 milhões) para a liberação do astro. 

Desafios e diferenças de calendário 

Segundo Suárez, o calendário do futebol brasileiro, com jogos pouco espaçados e viagens longas, tem sido um desafio adicional para o jogador. Nesse sentido, ele teria subestimado as particularidades do futebol brasileiro, conforme mencionado pelo presidente do Grêmio, Alberto Guerra, em uma recente entrevista coletiva. 

Nos Estados Unidos, o jogador teria uma carga de jogos consideravelmente menor. Para fins de comparação, o Inter Miami disputou um total de 38 partidas na temporada de 2022, enquanto o Grêmio já alcançou esse número neste ano, mesmo tendo ainda metade do Brasileirão e a reta final da Copa do Brasil pela frente. 

O futuro de Suárez e a espera por definições 

O desfecho da situação de Suárez ainda é incerto. O Grêmio mantém a postura de segurar o jogador, enquanto o uruguaio manifesta o desejo de deixar o clube. Resta aguardar os desfechos dessa situação entre o jogador e o Grêmio.  

- Advertisement -
- Advertisement -
Últimas Noticias

Mercado da Bola

Com a chegada da janela do meio do ano, as equipes de todo o mundo estarão se movimentando no...
- Advertisement -

Mais notícias como essa

- Advertisement -